Posted byTrunkael | Marcadores: , , | às 05:01 |

*digerindo o livro que foi devorado ainda hoje*

Bom... eu tentaria não falar o nome de Tyler Durden, mas não há como não comparar "Utopia" com a filosofia de Tyler: "quero ver as pessoas caçando a própria comida nas ruinas de NY".

"Utopia" (literalmente não-lugar) descreve como seria o sistema politico perfeito, que é colocado em prática na ilha de Utopia, uma sociedade que não usa dinheiro e o trabalho é perfeitamente dividido. Resumindo: o mundo socialista (ou comunista, tanto faz) perfeito, e ele descreve com acertada precisão esse sistema.

Mas...

Para mim pareceu uma cidade como a de O Demolidor (aquele com Stalone e Sandra Bullock) só que de forma primitiva. As pessoas vestem-se iguais, estudam (se estudam) as mesmas coisas, ganham a profissão do pai e são controladas pelos patriarcas.

A idéia é bem engenhosa, ele descreve os valores das coisas, a tática de comércio e de guerra, mas para mim não passa de um mundo de robozinhos que ficam tão entediados com a vida que o que vier é lucro. É utópico (e ele mesmo cunhou essa expressão) por que não daria certo de forma alguma.

Muitos líderes com certeza gostariam de controlar esse rebanho manso, mas creio que a rebeldia iria nascer no seio dessa sociedade de um jeito ou de outro, para acabar com regime tão tedioso.

Ele acertou em quase tudo, só esqueceu do livre-arbitrio (se é que isso existe) colocando muitas leis morais de cunho religioso. O ser humano não conseguiria manter-se como uma ovelha durante tanto tempo.

Apesar de não concordar com a sociedade proposta por ele, muitos argumentos utilizados são impressindiveis, e esses que tornam o livro tão interessante. A maneira como ele escreveu também me chamou muita atenção, e creio que vale a pena você investir 2 horas de sua vida para ter conhecimento dessa magnifica obra do século 15.

  1. o sr rafael fez uma leitura do meu livrinho de verdade mas eh tempo recorde tb hein nossa

    03-03-2004 21:53:58

  1. Tenta achar um livro chamado O elogio ao ócio, do Bertrand Russell. É muito interessante, e também é utópico. Maaaasss, dele dá para extrair idéias não-tão-utópicas que funcionariam bem, eu acho... O apoio da tecnologia é muito sub-julgado pela grande maioria das pessoas hoje em dia, ainda.

    10-03-2004 17:59:38

  1. Hum.. já ouvi falar desse livro, e estranhamente, o BM (já deve conhece-lo) pegou um livro desse autor "desconhecido" e temos discutido algumas idéias dele.

    11-03-2004 16:59:33

  1. Eu não sei quem é BM, só por ter lido em algum post aqui... Bertrand Russell foi um matemático que viveu quase cem anos e ganhou um prêmio Nobel por não se apegar a nenhuma área específica do conhecimento, mas sim viajar entre essas áreas com uma facilidade incrível (o próprio Elogio ao ócio, fala desde sociologia até econômia e arquitetura)... =)

    11-03-2004 20:43:34

Designer Webdesigner

Copyright 2010 Devaneios Gratuitos